Top Ad unit 728 × 90

Últimas publicações

recent

Francisco promete que não vai ser freado por «ultraconservadores»


Catholic Family News, 03 de julho de 2016
Tradução: Carlos Wolkartt – Renitencia.com

Roma — O Papa Francisco prometeu, em uma nova entrevista, que não será freado pela resistência dos "ultraconservadores" dentro da Igreja, os quais "dizem não a tudo", ao passo que insiste: "Seguirei adiante, sem olhar para trás".

O pontífice também sugeriu que não tem intenção de lançar uma campanha contra a oposição, indicando: "Eu não corto cabeças. Esse nunca foi meu estilo. Nunca gostei de fazer isso".

A entrevista foi realizada no dia 28 de junho com o jornalista Joaquín Morales Solá, que escreve para La Nacion na Argentina. Foi Morales que usou a palavra "ultraconservador" para descrever a resistência interna ao Papa, e Francisco disse que "rejeita o conflito" com eles.

"Eles fazem o seu trabalho, e eu faço o meu", disse o Papa.

"Eu quero uma Igreja que seja aberta, compreensiva, que acompanhe as famílias feridas". "Eles dizem não a tudo; eu irei adiante, sem olhar para trás".

Morales conta que o pontífice continuou com o que pode ser descrito como um "amplo sorriso": "Os cravos são removidos ao aplicar pressão na parte superior... ou então, deixamos eles de lado, descansando, até que chegue o momento em que sumirão sozinhos".

A referência aos "cravos" é bem conhecida em Roma por ser utilizada para indicar os prelados que, por terem sido maus administradores de suas dioceses (não na esfera criminal, mas simplesmente ineficientes), são chamados para uma oficina no Vaticano. A sugestão aponta que Francisco está se desfazendo pouco a pouco das pessoas que ele percebe como problemáticas, em muitos casos, esperando que elas cheguem à sua idade de aposentadoria para então nomear outra pessoa.

Outra pergunta foi sobre o Papa emérito Bento XVI, à qual Francisco respondeu: "está com problemas de locomoção, mas sua cabeça e sua memória estão intactas, perfeitas".

O Papa disse que seu predecessor foi um "revolucionário" de "inigualável generosidade".

"Sua renúncia deixou todos os problemas da Igreja bem claros", disse Francisco. "Não teve nada a ver com coisas pessoais. Foi um ato de governo, seu último ato de governo".

Francisco promete que não vai ser freado por «ultraconservadores» Reviewed by Editor on quarta-feira, setembro 07, 2016 Rating: 5
Todos os direitos reservados — Renitência © 2013—2018
Hospedado no Blogger. Desenvolvido por Sweetheme.

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.