Renitência

Últimas publicações

recent

Cardeal Maradiaga: Francisco foi vítima de manobra no conclave


Secretum Meum Mihi, 21 de janeiro de 2018
Tradução: Carlos Wolkartt – Renitencia.com

O livro é intitulado "Tutti gli uomini di Francesco" ("Todos os homens de Francisco", talvez paragonando o título do filme "Todos os homens do presidente"), escrito pelo vaticanista Fabio Marchese Ragona, e poderá ser adquirido a partir de amanhã nas livrarias italianas. No livro, o autor reúne os relatos e confidências dos colaboradores mais próximos de Francisco, de diferentes pontos do planeta.

Já podemos conhecer alguns detalhes da obra, como certas partes do prefácio escrito pelo cardeal hondurenho Oscar Andrés Rodríguez Maradiaga, publicadas hoje no Corriere della Sera. Maradiaga conta detalhes do conclave que elegeu Francisco, confirmando que efetivamente houve uma manobra, mas não da forma descrita pelo cardeal Danneels em suas memórias da "máfia de Saint-Gall/Sankt Gallen" — empenhada em impedir o prosseguimento de João Paulo II, evitar que Ratzinger fosse eleito e, quando já eleito por força maior, fazer-lhe oposição e conduzi-lo à renúncia, para então trabalhar na eleição de um Papa que estivesse de acordo com suas pretensões, como seria o caso de Jorge Mario Bergoglio. Não, a manobra descrita pelo cardeal Maradiaga faz de Francisco uma vítima:

Não posso expor o que aconteceu dentro da Capela Sistina durante o conclave, mas posso dizer uma coisa: quando começamos a delinear a figura do arcebispo de Buenos Aires como possível novo Papa, a famosa cordada clerical, da qual hoje Francisco tanto fala, começou a se movimentar para impedir o desígnio de Deus que estava prestes a ser realizado. Alguém (...) chegou a dizer em Santa Marta que Bergoglio estava doente, que não tinha pulmão (...); eu disse a outros cardeais: tudo bem, irei perguntar ao arcebispo de Buenos Aires se isso é realmente verdade, se está mesmo doente. Assim que o encontrei, pedi desculpas pela pergunta que estava prestes a fazer. O cardeal Bergoglio, muito surpreso, confirmou que sofre um pouco de ciática e que passou por uma breve intervenção quando criança para a extração de um cisto em seu pulmão esquerdo, mas que, fora isso, não tinha grandes problemas de saúde. O Espírito Santo, apesar de todos os obstáculos impostos pela cordada, estava soprando sobre a pessoa certa.

Outras partes do livro (...) são reveladas por um bergogliano em outro artigo. Falamos de Andrea Tornielli, que fala no Vatican Insider do cardeal Beniamino Stella, Prefeito da Congregação para o Clero (esse é o título, mas na prática parece mais um tabelião que se limita a dar fé aos quereres de Bergoglio), que, ao ser entrevistado no livro em questão, esboça o que seria a ordenação dos chamados viri probati para a Amazônia e as ilhas remotas do Pacífico. Uma hipótese (sic) a ser "avaliada cuidadosamente, sem fechamento ou rigidez", segundo Stella. A intenção por trás de todo esse palavrório é a ordenação de homens casados, já maduros e de fé provada, para que celebrem os sacramentos.
Cardeal Maradiaga: Francisco foi vítima de manobra no conclave Reviewed by Editor on segunda-feira, janeiro 22, 2018 Rating: 5
Todos os direitos reservados — Renitência © 2013—2018
Hospedado no Blogger. Desenvolvido por Sweetheme.

Entre em contato conosco

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.